Menu
ASSOMASUL MARÇO
quinta, 25 de abril de 2019
mutantes
Busca
ÁGUAS DE BONITO
MS

Cursos de longa duração passam a fazer parte da metodologia do Senar/MS

30 Nov 2011 - 15h30Por Fonte: Portal MS

Cursos de longa duração passam a fazer parte da metodologia do Senar/MS a partir de 2012Crédito:  Nesta semana, o Serviço Nacional de Aprendizado Rural de Mato Grosso do Sul – Senar/MS, esteve em Brasília participando de um encontro com todos os Superintendentes Regionais da entidade para tratar dos programas que serão desenvolvidos em 2012. Destaque para o Programa de Formação de Empreendedores – FEM, FATECNA - Faculdade  CNA  e a parceria com o Ministério da Educação para levar o Pronatec, Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego, para o campo.

Com objetivo de ser uma instituição de referência em educação profissional à comunidade rural, para 2012, o Senar/MS readequará sua metodologia de ensino, como já ocorre com os demais integrantes do Sistema S. O foco serão os cursos profissionalizantes de longa duração e implantação de mais capacitações à distância.

A novidade foi divulgada pelo superintendente do Senar/MS, Clodoaldo Martins Junior, que esteve presente na ocasião. “Já começamos a mudar o rumo da metodologia de trabalho. Antes, o foco eram os vários cursos com pouca carga horária. Agora entraremos em outro patamar, com capacitações de longa duração. O próximo ano experimentará uma nova realidade”, comemora.

Ele reforça que em 2011, aproximadamente 100 mil pessoas em todo Brasil receberam capacitação através dos cursos à distância, e a meta é aumentar este número em 2012.

Outra boa notícia é o Pronatec, que visa ampliar a oferta de vagas na Educação Profissional Brasileira. O programa busca expandir a rede federal e estadual de Educação Profissional e Tecnológica, e os cursos técnicos serão de formação inicial e continuada e terão carga horária mínima de 160 horas.

Além disso, O FEM é outro projeto que será implementado a partir do ano que vem. Com início na Bahia, será expandido nacionalmente e vai capacitar produtores rurais das cadeias produtivas: Bovinocultura de Leite, Ovinocaprinocultura, Silvicultura e Piscicultura.

De maneira prática, a formação tem como foco o lema “aprender a fazer fazendo”. As cadeias produtivas de Bovinocultura e Ovinocaprinocultura terão três módulos, correspondentes a três anos. Já Silvicultura e Piscicultura possuirão dois módulos.

Mas de acordo com Clodoaldo Martins, o carro chefe da instituição será a Faculdade de Tecnologia do Senar, que por enquanto, é chamada de FATECNA, e aguarda aprovação do Ministério da Educação. Ele diz que as atividades estão previstas para agosto de 2012, e que o primeiro curso será de Gestão Agropecuária, com três anos de duração - sendo  a primeira turma presencial em Brasília, e o restante à distância. Para mais informações, acesse: www.senarms.org.br.

Deixe seu Comentário

Leia Também

POLÍCIA
Anão do crime mobiliza até elite da PM para sua prisão em MS
POLÍTICA
Para bancada de MS, barganha para Reforma da Previdência é fake ou crime
CIDADES
Com 26 mil notificações em MS, casos de dengue apresentam tendência de queda
POLÍCIA
Polícia Civil prendeu 193 pessoas em MS durante operação nacional
GERAL
Avianca não opera em Mato Grosso do Sul a partir de segunda-feira
EMPREGOS E CONCURSOS
Governo confirma edital do concurso dos bombeiros e PM para próxima semana
POLÍTICA
‘Não pode faltar investigação’, diz Raquel Dodge no MPMS sobre pressão de políticos
RIO DA PRATA - MS
Conheça os melhores pontos do Rio da Prata, atrativo próximo a Bonito (MS)!
BONITO - MS - INSCRIÇÕES ABERTAS
Bonito (MS) receberá o 1º Open de Squash em maio, inscrições já estão abertas
TURISMO
Na região Norte, rota “Cerrado Pantanal” quer ser novo destino turístico de MS