Menu
ASSOMASUL MAIO 2019
quarta, 26 de junho de 2019
Busca
AGÊNCIA BONITO THIAGO

Crise global é risco para América Latina, diz FMI

6 Out 2011 - 09h03Por Estadão.com

Embora a crise econômica global mais recente sinalize problemas "potencialmente severos" para a América Latina, o resultado mais provável é que ocorra apenas um pequeno declínio nas taxas de crescimento da região, à medida que os preços das commodities e o aperto da liquidez global declinem de seus níveis já elevados, afirmou o Fundo Monetário Internacional (FMI) em relatório divulgado nesta quarta-feira, 5. O Fundo disse também que países como o Brasil e o Peru, que são grandes produtores de commodities, enfrentarão problemas potencialmente mais graves que outras economias da região, se o boom dos preços das commodities de anos de duração acabar subitamente.
 
Segundo o Relatório Econômico Regional sobre o Hemisfério Ocidental, o México, por exemplo, e alguns países da América Central, poderiam ver uma maior desaceleração econômica, dado seus "fortes vínculos econômicos com os EUA".

"Apesar de revisões em baixa para o crescimento nos EUA e outras economias avançadas, a previsão (para América Latina e do Caribe) é somente levemente menos favorável que o projetado em abril de 2011", disse o Fundo.

O FMI afirmou que o crescimento da região em 2011 deverá ser de 4,5%, ante a previsão de alta de 4,7% apontada pelo relatório de abril. Para o próximo ano, a economia da América Latina deverá crescer 4%, menos do que a expansão de 4,2% prevista anteriormente.

Mas o FMI não espera que isso ocorra. "Nós ainda temos como nossa base uma situação em que a liquidez global e os preços das commodities continuarão a ser, como nós já falamos, os ventos favoráveis para a região", disse o diretor do Departamento do Hemisfério Ocidental do FMI, Nicolas Eyzaguirre. "No entanto, eles serão um pouco mais fracos do que no passado recente".

Segundo o Fundo, países da Ásia emergente poderiam mostrar uma relativa resistência em evitar uma queda acentuada dos preços das commodities, o que deverá mantê-los nos seus níveis elevados atuais.

Mas um risco que a crise financeira mundial representa para a América Latina é que ela ainda está desenvolvendo, disse o FMI. "A falta de uma solução definitiva para a crise na Europa pode piorar a confiança e as condições do mercado de crédito global, com repercussões para os mercados emergentes." As informações são da Dow Jones.

Deixe seu Comentário

Leia Também

ALERTA NO MS
Defesa Civil alerta para risco de chuvas intensas em 47 municípios de Mato Grosso do Sul
BONITO - MS - MORTE DE MAJOR
Advogados divulgam NOTA sobre Laudo Pericial do assassinato do Major em Bonito (MS)
BONITO - MS - NO GABINETE
BONITO: Equipe 'Amigos da Bike' é recebida no gabinete, Odilson parabeniza e deseja boa sorte
FESTIVAL DE INVERNO DE BONITO 2019
Fundação de Cultura faz lançamento oficial dia 2 de julho do Festival de Inverno de Bonito (MS)
ACIDENTE NAS ESTRADAS
Uma pessoa morre e cinco feridos após carro da Secretaria de Saúde bater em caminhão
BONITO - MS - AÇÕES DO GOVERNO DO MS
O turismo em Bonito (MS) segue se fortalecendo, Governo do Estado segue investimentos
CRIME NA FRONTEIRA
VÍDEO: ex-policial é executado a tiros no estacionamento do Shopping China na fronteira
BONITO - MS - ALISTAMENTO
Alistamento vai até o dia 30 e JSM fecha de 1º a 5 de julho em Bonito (MS)
TRAGÉDIA
Em MS, Caminhão boiadeiro passa por cima de moto e mata condutor
MIRANDA - MS - PROJETO SALOBRA
Conheça o Projeto Salobra, Ecologia e Turismo em Miranda (MS)