Menu
ITALÍNEA DOURADOS
quinta, 13 de dezembro de 2018
KAGIVA
Busca
UNIPAR_PC

Comprimido contra asma é tão eficaz quanto bombinha

7 Mai 2011 - 15h18Por Folha.com

A asma pode ser controlada apenas com comprimidos, dizem pesquisadores das universidades de Aberdeen e de East Anglia, no Reino Unido.

Eles acompanharam 650 pacientes com asma crônica que usavam bombinha ou um remédio que inibe a inflamação característica da asma.

A doença foi bem controlada nos dois casos, com a vantagem de que aqueles que usaram comprimidos tiveram mais facilidade para manter o tratamento, segundo os autores do trabalho.

O estudo foi publicado ontem no "New England Journal of Medicine".

A asma é uma doença crônica caracterizada pela inflamação das vias aéreas, causando chiado, tosse, aperto no peito e falta de ar. Hoje, há duas marcas do remédio testado na pesquisa: Singulair (Merck) e Accolate (AstraZeneca), ambas vendidas no Brasil.

Para David Price, autor do estudo, a droga aumenta em 60% a adesão ao tratamento, se comparado com a bombinha. "Os comprimidos são fáceis de usar. A adesão é crucial para controlar a doença."

Deixe seu Comentário

Leia Também

BONITO - MS - TROFÉU PIRAPUTANGA
Em grande estilo, Troféu Piraputanga valoriza apoiadores do turismo e empresários de Bonito (MS)
CIDADES
Secretários: Felipe na Fazenda, Murilo Infraestrutura e Resende na Saúde
BONITO - MS
Prefeitura doa área para prédio da Polícia Militar Ambiental em Bonito
CÊ ACREDITA - E NÃO É FAKE
Mãe tenta vender virgindade da filha de 13 anos na Internet por quase R$ 100 mil reais
BONITO - MS - MAIS MELHORIAS
Vereadores entregam reivindicações ao governador Reinaldo durante entrega de obras em Bonito (MS)
BONITO - MS - POPULAÇÃO NA RUA
População clama pela preservação dos rios em Bonito (MS)
LOTERIA
Mega-Sena sorteia hoje prêmio de R$ 36 milhões
BONITO E JARDIM
Ações de preservação de rios tem custo estimado em R$ 10 milhões
CIDADES
Investigação em MS leva a prisão de grupo no RS que aplicava golpes do seguro
SAÚDE
De 115 vagas para o Mais Médicos em MS, 35 foram preenchidas; 20 cubanos inscreveram-se para ficar