Menu
ITALÍNEA DOURADOS
sexta, 22 de junho de 2018
KAGIVA
Busca

Com mais de 10 mil casos desde janeiro, dengue já matou três em Mato Grosso do Sul

9 Mai 2011 - 13h33Por Midiamax - Diego Alves

A dengue continua entre os principais problemas de saúde pública em Mato Grosso do Sul. Somente de janeiro até abril, foram 10.637 casos registrados, com três mortes causadas pela doença.

Além dos óbitos confirmados, em Campo Grande e Paranaíba, mais duas mortes são investigadas e podem ter sido causadas pela dengue. Um caso é na capital e outro em Rio Verde de Mato Grosso.

Segundo o último boletim epidemiológico, com dados do período entre 2 de janeiro e 30 de abril, Mato Grosso do Sul é taxado como área com "risco alto" para incidência de casos em relação ao número de habitantes.

As cidades com risco "muito alto" de incidências por habitantes, citadas pela Secretaria de Estado de Saúde de MS, são: Cassilândia, Rio Verde de Mato Grosso, Paranaíba, Ribas do Rio Pardo, Bataiporã, Anaurilândia, Bandeirantes e São Gabriel do Oeste.

Já as cidades de risco alto de incidência são 23, entre elas estão Campo Grande, Corumbá, Três Lagoas, Coxim, Naviraí e Chapadão do Sul.

Apenas Caracol, Deodápolis, Eldorado, Japorã e Sete Quedas não registraram nenhum caso da doença.

O maior indicie de casos ocorreu entre os dias 20 e 26 de março, com 880 diagnósticos confirmados. A semana com o menor número de infectados foi em janeiro, com 411 casos de 2 a 8 de janeiro.

De acordo com o Estado, os dados têm como foco subsidiar o panorama da doença para a elaboração de estratégias, ações e interlocuções entre as equipes técnicas.

Deixe seu Comentário

Leia Também

OPORTUNIDADE DE EMPREGO
Prefeitura de Campo Grande abre inscrições de processo seletivo para nível médio
BONITO - MS
SENAR vai realizar curso de Produção de Alimentos Saudáveis em Bonito
EM MS
Eleitores já podem se cadastrar para atuar como mesários
OPERAÇÃO OIKETICUS
Cheque da desembargadora Tânia Borges é encontrado em investigação do Gaeco
NARCOTRÁFICO
Paraguai destrói 107 acampamentos com 318 toneladas de maconha na fronteira
BELEZAS NATURAIS DE MS
Isto é Mato Grosso do Sul: o novo vídeo que retrata as belezas do MS
DEFESA SANITÁRIA
MS apresenta situação da fronteira na reunião que discute a retirada da vacina contra aftosa
DEU RUIM
Golpe do 'Mercado Livre'
OPORTUNIDADES DE EMPREGOS
Terminam hoje inscrições de processo seletivo da UFMS para 48 vagas
TEMPO E TEMPERATURA
Inverno começa seco e quente em Mato Grosso do Sul