Menu
KAGIVA
quarta, 23 de janeiro de 2019
ITALÍNEA DOURADOS
Busca
UNIPAR_PC
Bonito - MS

Com a LC 92 todas as unidade de saúde terão farmacêutico responsável

"O compromisso maior de cada vereador é com a população", diz o presidente da Câmara, vereador Nandinho.

13 Fev 2012 - 09h55Por Luciana Garcia /Assessoria

O prefeito José Arthur Figueiredo sancionou na última sexta- feira (09) a Lei Complementar 92. A LC 92 altera a anterior, LC 89, e havia sido aprovada na Câmara Municipal por 7 votos a 1.

Entre as principais alterações estão o aumento de 05 para 07 vagas do cargo de farmacêutico bioquímico destinados aos ESFs e ao laboratório central da Unidade Padre José Ferrero, o aumento de vagas para assistente administrativo, de 12 para 18 e  de líder de equipe I, de 10 para 13 vagas. A mudança ainda reduz de 03 para 02, a quantidade de vagas para o cargo de assessor especial I.

Para o prefeito José Arthur, a aprovação da LC 92 vai melhorar o serviço o das farmácias nas unidades de saúde.

 “É evidente o nosso interesse em melhorar os serviços de saúde em Bonito, tanto que 90% das vagas homologadas no último concurso foram destinadas aos profissionais dessa área. São agentes de saúde, médicos, técnicos em enfermagem, auxiliares de consultório, técnicos em próteses e farmacêuticos também”.

“Nesse caso, em especial, ou nós fechávamos as farmácias dos ESFs e passávamos a funcionar só no posto central, porque toda farmácia precisa de um profissional (um farmacêutico) responsável, conforme diz a lei, ou aumentávamos as vagas para farmacêuticos. E foi isso que foi feito. Dessa forma o usuário do SUS pode ser atendido na farmácia do seu bairro, no ESF mais perto da sua casa. Além disso nós vamos agilizar a entrega dos exames de laboratório”.

 “Já com relação ao aumento das funções gratificadas, em mais 03 vagas, elas são exclusivas aos funcionários efetivos”, informou o prefeito.

O vereador Nandinho (PT) explicou que a Lei foi votada em regime de urgência especial em atendimento a um pedido do Executivo.

“Estou de acordo com a LC 92 porque o compromisso maior de cada vereador é com a população. E, nesse aspecto a lei beneficia a todos os usuários de saúde pública, garante segurança, conforto e comodidade”.

A vereadora Luisa Cavalheiro de Lima, que também votou a favor, foi enfática ao defender a LC 92.

“Não se trata de uma determinação do município, ou do prefeito, é uma adequação a uma lei federal. Há a necessidade do farmacêutico em cada ESFs, e nossa prioridade tem que ser a população, porque na ausência de um serviço de qualidade é ela que padece”, concluiu.

Deixe seu Comentário

Leia Também

EM MS
Lutador tem liberdade negada e Justiça marca 1ª audiência de madrasta que pisoteou bebê até a morte
AGENDA
Carreta da Justiça atende moradores de Paraíso das Águas até sexta-feira
POLÍCIA
Suspeito de 58 golpes, preso 'artista' volta a agir de dentro da cadeia
POLÍCIA
Em menos de uma semana PM apreende mais de uma tonelada de drogas e recupera 37 veículos
ENTRETENIMENTO
BBB19: Vanderson sai da casa para prestar depoimento e é desclassificado
ECONOMIA
Trocar ar-condicionado por ventilador rende economia de até 20% na conta
POLÍCIA
PM apreende mais de meia tonelada de maconha e recupera Civic furtado em Nioaque
EMPREGOS E CONCURSOS
Publicada relação de profissionais cadastrados para a função de professor temporário
CIDADES
Morre o ator Caio Junqueira, uma semana após acidente de carro no Aterro
BONITO - MS
Passeios em Bonito são finalistas de prêmio internacional de sustentabilidade