Menu
KAGIVA
quinta, 16 de agosto de 2018
ITALÍNEA DOURADOS
Busca

Classes D e E compram menos produtos piratas

19 Set 2011 - 17h33Por Terra

As classes D e E apresentam menor índice de consumo de produtos piratas, em comparação com as classes A, B e C, segundo pesquisa divulgada pela Fecomércio-RJ em parceria com a Ipsos nesta segunda-feira. Apenas 44% dos entrevistados de mais baixa renda admitiram ter comprado algum produto pirata neste ano, enquanto a porcentagem da classe C ficou em 52%. As classes A e B tiveram o maior índice, com 57%.

Esta é a primeira vez desde 2006, quando a pesquisa começou, que mais da metade da população admitiu ter comprado algum produto pirata no ano - no total 52%, ante 48% em 2010. "Transformando este percentual em números absolutos, aproximadamente 74,3 milhões de brasileiros contribuíram com este crime, ante 68,4 milhões no ano passado. Ou seja, cerca de 6 milhões de brasileiros que não consumiam produtos piratas em 2010 passaram a comprá-los este ano", afirmou a Fecomércio-RJ em nota.

Para 96% dos entrevistados no levantamento, o preço é a principal justificativa para aquisição dos produtos no mercado ilegal. Em seguida aparecem a facilidade para encontrar os produtos (14%) e o fato de estarem disponíveis antes do original (9%). O estudo também mostra que 60% acredita que comprar falsificados pode ter consequências negativas - 61% diz que a pirataria pode causar desemprego, 74% acredita que prejudica o faturamento do comércio, 80% afirma que traz prejuízos ao fabricante e/ou artista, e 82% aposta que aumenta a sonegação de impostos.

Os produtos mais adquiridos são CDs e DVDs, com 81% e 76% dos entrevistados, respectivamente. Roupas aparecem em terceiro lugar, com 11%, óculos em seguida com 10%, e calçados, bolsas e tênis com 7%. Para os que afirmaram não ter comprado produtos piratas em 2011, as razões mais comuns foram a qualidade ruim dos produtos (60%) e a falta de garantia (25%). O levantamento entrevistou mil pessoas em 70 cidades do País.
 

Deixe seu Comentário

Leia Também

ESPORTE
Lutador de MS é convocado para Mundial em outubro na Turquia
POLÍTICA
Com fim da hegemonia da TV, internet pode ser decisiva nestas eleições
POLÍTICA
TSE registra mais de 23 mil candidatos às eleições de outubro
BONITO - MS - ATENÇÃO MÃES
Dia 'D' contra poliomielite e sarampo será neste sábado em Bonito (MS)
MEIO AMBIENTE - JARDIM E BONITO
A condenação do rio da Prata, essencial para a biodiversidade em Jardim e Bonito (MS)
LOTERIA
Sul-mato-grossense ganha R$ 1 milhão na loteria da Caixa
STOCK CAR 2018
Bons retrospecto em MS anima pilotos da Cavaleiro Sports
CASO DE POLÍCIA
Boliviana denuncia estupro de criança de 8 anos em fazenda no Pantanal
CIDADES
Na contramão do nacional, MS registra queda na mortalidade materna
POLÍTICA
Para eleitores, 2º turno a presidente será entre Bolsonaro e Alckmin