Menu
domingo, 15 de dezembro de 2019
BANNER ANNA
Busca
BONITO AGUAS DE BONITO
BONITO - MS - SAÚDE DE QUALIDADE

Centro de Especialidades e Reabilitação recebe 40 cadeiras de rodas em Bonito (MS)

Centro de Especialidades e Reabilitação recebe 40 cadeiras de rodas em Bonito (MS)

3 Dez 2019 - 08h15Por BONITO INFORMA COM ASSESSORIA

O Centro de Especialidades e Reabilitação (CER) da Secretaria Municipal de Saúde recebeu, desde o mês de junho deste ano, 40 novas cadeiras de rodas para locomoção e banho que estão sendo entregues aos pacientes do SUS (Sistema Único de Saúde). A unidade recebeu também dezenas de muletas e bengalas.

As cadeiras foram obtidas por meio de convênio entre a prefeitura e o CER/APAE (Centro Especializado de Reabilitação da Apae), de Campo Grande, e são adequadas às condições de cada paciente, previamente inscrito, proporcionando-lhe mais conforto e maior mobilidade, com menor gasto de energia.

De acordo com a Secretaria Municipal de Saúde as cadeiras recebidas reduziram em 80% a demanda existente.

COMO DEVE AGIR O PACIENTE QUE NECESSITA DE CADEIRA DE RODAS

De acordo com a fisioterapeuta Elaine da Silva Simões, coordenadora do Centro de Especialidades e Reabilitação, as pessoas que necessitam de atendimento são inicialmente submetidas a uma triagem feita por profissional especializado, e a seguir encaminhadas para realização do tratamento necessário.

Para inscrever-se para receber órteses, próteses, cadeira de rodas, muletas ou reabilitação o paciente (ou alguém responsável por ele) deverá levar ao CER o cartão SUS, cópia de documentos, de endereço e a receita médica emitida por um profissional da Rede SUS prescrevendo o uso do equipamento.

Equipe de atendimento foi ampliada em 2019 e atendimento melhorou. Foto: JabutyEquipe de atendimento foi ampliada em 2019 e atendimento melhorou. Foto: Jabuty

COMO FUNCIONA O CENTRO DE ESPECIALIDADES E REABILITAÇÃO

O Centro de Especialidades em Reabilitação (CER) é um órgão público municipal que tem como objetivo a reabilitação de pessoas com deficiência física, atuando por meio de equipe multiprofissional formada por 5 fisioterapeutas, 2 terapeutas ocupacionais, 1 fonoaudióloga, 1 psicóloga, 1 assistente social e 1 médico ortopedista (que atende quinzenalmente os pacientes), totalizando 15 funcionários.

No 2º quadrimestre de 2019 (de maio a agosto) foram realizadas 3322 consultas no CER. No local são realizados entre 800 e 850 atendimentos por mês

De acordo com a coordenadora Elaine Simões, os trabalhos desenvolvidos neste ano permitiram a redução do tempo de espera para as especialidades de terapia ocupacional e fisioterapia. "Os avanços são resultado de um novo sistema de gestão de fila de espera e do aumento no número de profissionais, com a inclusão de mais dois fisioterapeutas e de uma terapeuta ocupacional, aprovados no concurso, além de uma assistente social e um médico ortopedista", afirmou.

FUNCIONAMENTO DIÁRIO

O Centro de Especialidades em Reabilitação (CER) funciona na sede da Secretaria de Saúde, na Rua Dr. Conrado, na Vila Donária (prédio do antigo fórum). O horário de atendimento é de 07h00 às 18h00 (seis da tarde)

Outras informações podem ser obtidas pelo telefone (67)3255-2640.

Deixe seu Comentário

Leia Também

AÇÕES DO GOVERNO DE MS
Governo de MS isenta cobrança de impostos de templos religiosos
CONFIRA A PREVISÃO
Sera?, frente fria chega nesta segunda-feira em MS
BONITO - MS - CORPO DE BOMBEIROS
BONITO: Construção do quartel do Corpo de Bombeiros segue em ritmo acelerado e dentro do cronograma
BONITO - MS - AÇÃO POLICIAL
Polícia Militar recupera celulares furtados em loja e prende autora em flagrante em Bonito (MS)
ALERTA NO MS
Inmet emite alerta de chuva intensa em mais de 10 cidades de MS
CURIOSIDADES - ESPORTE
Curiosidades sobre o Xadrez que você não sabia
POLÍCIA
Atendente de hotel rende ladrão armado após luta corporal
Mistério
Corpo de pedreiro desaparecido é encontrado seminu em MS
PERSONALIDADE DO ANO
Insultada por Bolsonaro, Greta Thunberg, é personalidade do ano da Time
Operação Divisa VIII
Polícia Civil apreende mais de R$ 19 mil do tráfico em Operação Divisa VIII