Menu
KAGIVA
sŠbado, 18 de agosto de 2018
ITAL√ćNEA DOURADOS
Busca

Canavieros querem acordo com Embrapa

14 Jul 2011 - 17h18Por Correio do Estado

A Associação dos Produtores de Bionergia de Mato Grosso do Sul (Biosul) quer a ajuda da Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa) para consolidar de modo sustentável a projeção do estado no cenário nacional de cana-de-açúcar. A intenção foi apresentada por representantes da entidade que, na terça-feira (12), estiveram reunidos com gestores e pesquisadores da Empresa na sede da Embrapa Informática Agropecuária, em Campinas/SP, que realizou o evento em parceria com a assessoria da Diretoria Executiva e a Embrapa Transferência de Tecnologia.

“A aproximação com a Embrapa é parte de nossa busca por excelência”, diz o presidente da Biosul, Roberto Hollanda Filho, que esteve no encontro acompanhado de três diretores da associação. “Representamos um setor que é voraz por tecnologia e acreditamos que a pesquisa pode nos ajudar a crescer com o viés de sustentabilidade e de maneira integrada com outros setores do agronegócio”, justifica o presidente da entidade. A Biosul representa três sindicatos e uma associação, abarcando a totalidade dos produtores de cana do Estado.

O assessor da presidência da Embrapa, Moacyr Sousa, disse que Mato Grosso do Sul é uma importante fronteira para o setor sucroalcooleiro e fundamental no cenário das energias renováveis do País. “Para que a expansão da cultura no Estado aconteça sem prejuízo para o ambiente e a produção de alimentos será necessário o uso intensivo de tecnologia, por isso a importância dessa parceria”, argumenta.

Produtos - Durante o encontro para prospectar demandas e possibilidades de parceria, pesquisadores de Unidades Descentralizadas da Embrapa tiveram a oportunidade de apresentar produtos e serviços disponíveis para o setor e ainda projetos em que o investimento do setor privado aceleraria a obtenção de resultados. O zoneamento de risco climático e agroecológico da cana-de-açúcar estão entre os serviços de interesse dos canavieiros, entre outras tecnologias.

A transferência de tecnologias da Embrapa para os associados da Biosul acontecerá por meio de um acordo de cooperação geral, cujos termos serão discutidos com a Diretoria Executiva. “Dessa forma favorecemos a atuação integrada, com participação das diversas Unidades da Empresa que tenham iniciativas para o setor”, avaliou o assessor Ederlon Ribeiro de Oliveira, que no encontro representou o diretor Waldyr Stumpf. Treinamentos, cursos e unidades demonstrativas, além de possíveis parcerias para desenvolvimento de novas tecnologias, deverão estar contemplados no acordo.

A reunião contou com a presença dos chefes gerais da Embrapa Informática Agropecuária, Kleber de Souza; da Embrapa Meio Ambiente, Celso Vainer Manzatto; da Embrapa Agropecuária Oeste, Fernando Mendes Lamas, e do gerente local Fernando Matsuura, do Escritório de Negócios de Campinas, da Embrapa Transferência de Tecnologia. A Unidade vai preparar um portfólio das tecnologias apresentadas para que sirva de base às primeiras negociações.

Deixe seu Coment√°rio

Leia Também

A√á√ēES DO GOVENO DO MS
Governador afirma que pavimentação asfáltica da MS-223 começa nos próximos dias em Costa Rica
INELEG√ćVEL
Procuradoria pede impugnação de candidatura do Zeca do PT
BONITO - MS - INAUGURAÇÃO
HOJE tem inauguração do Santo Rock Bar, caipirinha FREE para mulheres até meia-noite em Bonito (MS)
POL√ćTICA
Parecer do TRE-MS d√° aval para cassar vereadora Cida Amaral
MEIO AMBIENTE
Em fase final, projeto visa recuperar o Taquari com manejo correto do solo
BONITO - MS - A√á√ēES NO √ĀGUAS DO MIRANDA
BONITO (MS): Obras realiza servi√ßos de revitaliza√ß√£o no distrito √Āguas do Miranda
BONITO - MS
Almoço beneficente em prol do Instituto Visão de Vida acontecerá neste sábado em Bonito
CASO MAYARA
Acusado de matar a musicista Mayara Amaral diz que estava 'possuído'
ACIDENTE
Mulher é arremessada e morre em capotamento de veículo na BR-359
CIDADES
Mutir√£o vai analisar 11 mil processos de presos condenados em MS