Menu
ASSOMASUL MAIO 2019
tera, 25 de junho de 2019
Busca
AGÊNCIA BONITO THIAGO

Campo Grande tomba mais 22 árvores como patrimônio cultural

24 Ago 2011 - 16h13Por MS Notícias

O prefeito de Campo Grande, Nelson Trad Filho, realizou na segunda-feira (22) o tombamento de 22 árvores do canteiro central da avenida Mato Grosso. A decisão foi tomada após solicitação do Ministério Público Estadual (MPE), que indicou o tombamento das árvores como patrimônio histórico, cultural e paisagístico da cidade.

As árvores têm entre 54 e 74 anos, são da espécie Ficus microcarpa e estão no trecho entre a avenida Calógeras e a rua Pedro Celestino.

O tombamento dessas árvores, o segundo da Capital visa o incentivo à arborização e ao fortalecimento de Campo Grande como uma cidade verde. O primeiro foi de uma árvore Tamboril (Enterolobium contortisiliquum), plantada na rua da Paz quase esquina com a rua Rio Grande do Sul, no Jardim dos Estados. Ela passou a ser considerada patrimônio paisagístico da cidade em junho de 2009. A árvore Tamboril teria aproximadamente 60 anos e a madeira dessa espécie é usada na fabricação da viola de coxo, um dos instrumentos mais tradicionais do Estado.

Para o prefeito, o tombamento das árvores seria uma forma de preservar nossa cultura, história e a natureza. “Hoje, nós ouvimos falar tanto de preservação da natureza. Realizando esse ato de tombamento é também um ato de ajudar nossa cidade a crescer e viver bem e melhor, já que a nossa cidade é considerada uma Capital bem arborizada. Espero que a população se orgulhe de ter árvores tão bem cuidadas e, agora, preservadas perante a lei, que de alguma forma faz contar nossa vivência durantes tantos anos”, considerou.

De acordo com o chefe do Núcleo de Patrimônio Cultural da Fundac, Rubens Costa Marques, o ato do tombamento das árvores existentes na Capital faz com que a população conheça mais da nossa história e do cuidado que o Executivo e a própria população tem que ter com a preservação das espécies. “As árvores seriam o imaginário campo-grandense, pois sabemos que nossa cidade hoje consiste em grande porcentagem de espaço verde. O tombamento das árvores é um instrumento legal de preservação de espécies vegetais de porte arbóreo. Hoje, qualquer cidadão pode requerer junto à Secretaria Municipal de Meio Ambiente e a Fundac o tombamento de árvores.

Segundo essa lei, qualquer árvore poderá ser declarada imune de corte, mediante ato do poder público, por motivo de localização, beleza, raridade e condição de porta-sementes, bem como boas condições fitossanitárias e área de projeção da copa livre, explica o chefe.

Para se chegar ao tombamento, o chefe de Patrimônio Cultural explica que são feitas algumas práticas até se chegar à lei. “As pessoas ou órgãos interessados em realizar um tombamento de árvores devem direcionar o pedido a Fundac ou Semadur. A secretaria fará uma visita técnica junto com peritos ao local, onde fará um laudo sanitário sobre as condições do local, canteiro ou árvore. Realizada essa visita, os peritos pegarão os dados e transformarão em projeto de apresentação para, assim, ser entregue ao prefeito e decretado o tombamento”, explica.

Para tombamento existem três esferas: a municipal, estadual e federal. O tombamento das árvores da avenida Mato Grosso é da esfera municipal. Campo Grande possui, segundo estimativa da prefeitura, cerca de 153 mil árvores, muitas tipificadas como "notáveis".
 

Deixe seu Comentário

Leia Também

BONITO - MS - AÇÕES DO GOVERNO DO MS
O turismo em Bonito (MS) segue se fortalecendo, Governo do Estado segue investimentos
CRIME NA FRONTEIRA
VÍDEO: ex-policial é executado a tiros no estacionamento do Shopping China na fronteira
BONITO - MS - ALISTAMENTO
Alistamento vai até o dia 30 e JSM fecha de 1º a 5 de julho em Bonito (MS)
TRAGÉDIA
Em MS, Caminhão boiadeiro passa por cima de moto e mata condutor
MIRANDA - MS - PROJETO SALOBRA
Conheça o Projeto Salobra, Ecologia e Turismo em Miranda (MS)
MUNDO DA MÚSICA
Marilia Mendonça recorda foto de antes da fama com Cristiano Araújo: 'Saudade'
BODOQUENA - MS - SOLIDARIEDADE
BODOQUENA: Em fase difícil da vida, pedagoga desapega e doa cabelo para quem luta contra o câncer
EM CIDADE DO MS
Pilar de concreto que sustentava rede cai e mata menina de 4 anos em MS
NOVELA DA GLOBO
A Dona do Pedaço: Maria da Paz é humilhada por Vivi Guedes e Régis se aproveita de situação
EM MS
Bombeiros retiram Saveiro que caiu nas águas de rio em MS