Menu
mutantes
sŠbado, 16 de fevereiro de 2019
BONITO_PREFEITURA_FEVEREIRO_2019
Busca
UNIPAR_PC

Campanhas mais caras elegeram 70% dos deputados no ano passado

11 Mai 2011 - 16h32Por Ag√™ncia C√Ęmara de Not√≠cias

Mais de 70% dos deputados eleitos no ano passado foram, também, os que tiveram os maiores gastos com as campanhas, revela um levantamento feito pela Consultoria Legislativa da Câmara dos Deputados, em Brasília.

O dado será utilizado pelo relator da Comissão Especial da Reforma Política, deputado Henrique Fontana (PT-RS), na argumentação em defesa do financiamento público exclusivo de campanha, um dos principais temas debatidos no colegiado.

Para fazer o levantamento, a consultoria levou em consideração a quantidade de deputados eleitos por estado. Assim, no caso de São Paulo, que tem uma bancada de 70 deputados, foram considerados os resultados das 70 campanhas mais caras. Dos 513 eleitos, 369 (71,9%) declararam os maiores gastos ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE).

Fontana, cuja campanha está entre as 31 mais caras do Rio Grande do Sul (R$ 1,271 milhão, conforme dados do TSE), vê no resultado da pesquisa a comprovação da relação direta entre “o valor disponível para a campanha e o resultado eleitoral”.

Segundo o deputado, essa relação acaba dificultando a renovação dos quadros políticos, porque muitas pessoas se sentem alijadas do processo por causa dos altos custos. Para o relator da comissão especial, o financiamento público deve ser visto como um instrumento de autonomia aos mandatos.

Modelo misto

O financiamento público é um dos pontos debatidos na comissão que tem mais apoio entre os parlamentares, representantes da sociedade civil e instituições governamentais que participam dos debates.

Há, no entanto, quem defenda que essa modalidade não seja exclusiva, mas preponderante. Na opinião do presidente do TSE, ministro Ricardo Lewandowski, é mais importante acabar com o financiamento de empresas a campanhas políticas. O financiamento público seria responsável pela maior parcela dos gastos, mas viria associado a contribuições feitas por pessoas físicas.

Paralelamente, o ministro cobrou mecanismos que limitem os gastos nas eleições, que chegaram aos R$ 3,363 bilhões em 2010. “Se for adotado o financiamento público, é imprescindível que coloquemos um teto; não podemos onerar os contribuintes com custos desnecessários”, afirmou o ministro em audiência realizada em abril pela comissão especial.

Maiores e menores gastos

Segundo o levantamento da Consultoria Legislativa, o estado que em termos proporcionais elegeu os candidatos que mais gastaram foi o Piauí, com nove dos dez eleitos no ano passado figurando entre os donos das campanhas mais caras do estado (90% dos eleitos). Por outro lado, Roraima elegeu apenas três (37,5%) dos oito que mais gastaram.

Segundo dados do TSE, dos 41 deputados que integram a Comissão Especial de Reforma Política, 18 gastaram mais de R$ 1 milhão nas campanhas.

O maior orçamento foi o do deputado Ricardo Berzoini (PT-SP), com R$ 3,023 milhões. Já a campanha mais barata foi a do deputado Reguffe (PDT-DF), com R$ 120,4 mil declarados.

O presidente da comissão, deputado Almeida Lima (PMDB-SE), gastou R$ 1,120 milhão nas últimas eleições.

Deixe seu Coment√°rio

Leia Também

DOURADOS - COLISÃO MATOU OS DOIS
Em Dourados, V√ćDEO mostra colis√£o frontal entre motos que matou dois, assista
BONITO - MS - NOVO HOR√ĀRIO
Com o fim do hor√°rio de ver√£o Balne√°rio tem novo hor√°rio de funcionamento em Bonito (MS)
BONITO - MS - REIVINDICAÇÃO
Meio Ambiente pede mais 10 policiais e 3 viaturas para PMA em Bonito (MS)
MARACAJU - SEGURANÇA
Em Maracaju, Operação Petra cumpre 18 mandados de busca e apreensão e prende três pessoas
A√á√ēES DO GOVERNO DO MS
Na fronteira, Reinaldo entrega R$ 1,4 milhão em equipamentos agrícolas
POL√ćCIA
Homem é preso em MS por estuprar crianças, filmar e divulgar vídeos
EMPREENDEDORISMO
Seleção oferecerá consultoria gratuita para 200 mulheres em MS
MEIO AMBIENTE
Em 15 dias, polícia ambiental capturou 8 cobras em residências de MS
POL√ćCIA
Militares rodovi√°rios s√£o presos pelo Bope com dinheiro de propina em MS
GERAL
Campanha de fiscalização vai vistoriar quase dois mil veículos do sistema intermunicipal