Menu
BONITO_PREFEITURA_FEVEREIRO_2019
quinta, 21 de fevereiro de 2019
mutantes
Busca
ITALÍNEA DOURADOS

Caixa amplia crédito pessoal com garantia de imóvel para até 180 meses

15 Jun 2011 - 12h47Por Agência Brasil

O Crédito Aporte Caixa, modalidade de empréstimo pessoal da Caixa Econômica Federal com garantia de imóvel, foi ampliado de 120 para 180 meses, de modo a permitir prestação mensal menor, além de reduzir o impacto no orçamento de quem contrata a operação, disse hoje (14) o superintendente nacional de Pessoa Física de Média e Alta Renda da Caixa, Mário Ferreira Neto.

Essa modalidade de empréstimo, feita com taxa de juros a partir de 1,51% ao mês mais taxa referencial (TR), é, segundo ele, a mais barata do mercado e não necessita de avalista. A Caixa financia até 70% do valor de avaliação do imóvel dado em garantia e estabelece as quotas mensais em função da capacidade de pagamento do cliente para evitar superendividamento do contratante e diminuir os riscos de inadimplência.

Até agora, o Crédito Aporte Caixa só podia ser negociado pelo cliente proprietário de mais de um imóvel – residencial, comercial ou lote urbano. Agora, basta ter um imóvel a ser dado em alienação fiduciária e que esteja desembaraçado de quaisquer ônus. “A aceitação do único imóvel residencial como garantia, e o aumento do prazo, aliado às demais condições já disponíveis, amplia a base de clientes que podem ter acesso” à modalidade de crédito pessoal, explicou Ferreira Neto.

Para empréstimos até R$ 200 mil basta apresentar o carnê do Imposto Predial e Territorial Urbana (IPTU) quitado, em substituição à avaliação pela engenharia da Caixa. Não há limite máximo de empréstimo ou de valor de imóvel, respeitada a capacidade de pagamento do cliente.

A grande vantagem desse tipo de operação, segundo ele, é que o cliente pode usar o empréstimo para o que quiser. Pode adquirir bens imóveis, refinanciar moradias, expandir negócios, pagamento de cursos de longo prazo, e por causa dessa flexibilização “é uma operação muito comum em países desenvolvidos”, e ganha força também no Brasil, disse. Tanto que a Caixa já contratou R$ 340 milhões este ano, na modalidade. Mais do que em todo o ano passado.

Deixe seu Comentário

Leia Também

GESTÃO PÚBLICA
Reinaldo Azambuja fala sobre desafios da nova gestão em entrevista à GloboNews
BONITO - MS - CONGRESSOS DE NETWORKING
Bonito (MS) receberá pelo menos 10 mil visitantes na baixa temporada em busca de networking em 2019
AGORA DEU MEDO
PMA captura cascavel de 1,3 metros em residência na Capital
GERAL
Em MS, 38 radares voltam a operar na BR-163 a partir da próxima semana
TEMPO E TEMPERATURA
Alerta: 24 cidades de MS estão com aviso de tempestade de perigo potencial
BONITO - MS - POLÍCIA
Vítima de 'estupro virtual' volta para casa e retoma rotina na escola em Bonito (MS)
GERAL
Sistema do Detran-MS continua fora do ar nesta quarta-feira
GERAL
Gabaritos do Enade 2018 já estão disponíveis no site do Inep
COTA ZERO
Deputados pedem que caça do jacaré seja liberada
POLÍCIA
Homem é preso, suspeito de exploração sexual de criança