Menu
ITALÍNEA DOURADOS
segunda, 10 de dezembro de 2018
KAGIVA
Busca

Brasil reforça fiscalização na fronteira após confirmação de aftosa no Paraguai

20 Set 2011 - 08h46Por Agência Brasil

O Ministério da Agricultura decidiu reforçar as ações de vigilância e prevenção na fronteira com o Paraguai, após a confirmação da ocorrência de febre aftosa no país vizinho. O governo paraguaio suspendeu as exportações de carne do país depois de identificar um foco da doença na região de Sargento Loma, no departamento de San Pedro, no Centro do país.

O governo brasileiro aumentou o número de fiscais federais agropecuários na fronteira, determinou a instalação de barreiras volantes na região e o mapeamento de propriedades de maior risco dentro do território brasileiro.

Em nota, o Ministério da Agricultura também manifestou apoio das autoridades brasileiras ao governo vizinho para conter a doença. “Por ser a meta do governo brasileiro a erradicação da febre aftosa em todo o continente, nos colocamos à disposição do Paraguai para ajudar nas medidas de erradicação imediata do vírus”, diz o texto. 

Deixe seu Comentário

Leia Também

BONITO - MS - NA LISTA DO IBAMA
Bonito na lista, Ibama aplicou R$ 672 mil em multas a produtores por uso irregular de agrotóxicos
MUNDO DOS FAMOSOS
Ex de Zezé Di camargo, Zilu Camargo posa de biquíni, exibe corpo escultural e “espanta”
CASAMENTO COM EMOÇÃO
Casamento de Nicole Bahls tem polícia na igreja, convidados na delegacia e ladrão famoso descoberto
BONITO - MS - MEIO AMBIENTE
Audiência para debater poluição de rios lota Câmara de Bonito (MS)
DOURADOS - TRAGÉDIA NO TRÂNSITO
Criança de 12 anos morre no Hospital da Vida depois de ser atropelada em Dourados
GESTÃO BOLSONARO
Em ministério, Mandetta vai priorizar atenção básica de saúde
TEMPO E TEMPERATURA
Semana começa com tempo quente e seco na maior parte de MS
EMPREGOS
MS tem 11 concursos abertos e salários de até R$ 9,4 mil
EDUCAÇÃO
Enem para mais de mil detentos do Estado será aplicado a partir de terça-feira
ECONOMIA
Receita libera hoje consulta a sétimo lote de restituição do IR 2018