Menu
KAGIVA
quinta, 18 de outubro de 2018
ITALÍNEA DOURADOS
Busca

Biffi e Delcídio viabilizam R$ 23,4 milhões para 16 municípios

8 Jul 2011 - 11h33Por Assessoria

Através de gestões junto ao Ministério da Educação, o deputado federal Antonio Carlos Biffi (PT/MS) e o senador Delcídio do Amaral (PT/MS) viabilizaram R$ 23,4 milhões do governo federal para a construção, reforma e ampliação de dezenas de escolas nas áreas urbana e rural de 16 municípios. Os convênios para o repasse dos recursos começaram a ser assinados esta semana em Brasília e a expectativa é de que as obras sejam iniciadas o mais rápido possível.

“É uma grande conquista para a população”, avalia Delcídio. “O Biffi e eu visitamos os municípios, conversamos com os prefeitos e vereadores, discutindo as prioridades de cada região. A demanda por investimentos em educação é enorme. Depois, a gente bate à porta do governo federal, porque a maioria das prefeituras não tem condições financeiras de atender as reivindicações. É uma alegria muito grande constatar que todo esse esforço está dando resultados”, afirma o senador.

Só esta semana, foram repassados R$ 5,2 milhões para Maracaju, Jaraguari e Douradina.

“São R$ 3,8 milhões para construir duas escolas em Maracaju - uma no distrito de Vista Alegre, para atender 500 alunos, e a outra, com 12 salas de aula, na área urbana da cidade. Viabilizamos também R$ 700 mil para a construção de uma creche em Douradina e outra de mesmo valor em Jaraguari. Estávamos correndo atrás desses recursos desde 2009”, revela o deputado Biffi.

O prefeito de Maracaju, Celso Vargas, destacou a importância da chegada da verba ao município.

“Há 18 anos não se constrói escolas novas em Maracaju. Esses R$ 3,8 milhões representam um investimento equivalente a 32% da nossa arrecadação, superando os 25 % mínimos determinados pela legislação. Biffi e Delcídio estão dando uma contribuição muito importante para o futuro da nossa cidade”, avalia o prefeito.

Nos próximos dias, prefeitos de outros 13 municípios vão a Brasília celebrar os convênios com o Ministério da Educação. São R$ 700 mil para a construção de uma escola rural em Juti, R$ 3,8 milhões para 5 escolas indígenas em Paranhos, R$ 1,5 milhão para duas escolas em Miranda, R$ 1,3 milhão para uma escola em Aparecida do Taboado, R$ 2,8 milhões para reforma e ampliação de 9 escolas da rede municipal de Coxim, R$ 740 mil para uma escola indígena em Japorã, R$ 740 mil para uma escola rural em Vicentina, R$ 620 mil para uma escola em Taquarussu, R$ 1,6 milhão para uma escola rural e outra indígena em Eldorado, R$ 740 mil para uma escola indígena em Aral Moreira, R$ 1,1 milhão para uma escola indígena e a cobertura de uma quadra de esportes em Coronel Sapucaia, R$ 600 mil para uma escola indígena em Bela Vista e R$ 2 milhões para 4 escolas indígenas em Amambai.

Deixe seu Comentário

Leia Também

BONITO - MS - NA SESSÃO
Nixon solicita a Senadora emenda para aquisição de equipamentos para hospital de Bonito (MS)
BONITO - MS - REIVINDICAÇÃO NA CÂMARA
Luisa pede ao Poder Executivo ambulância para o Distrito Águas do Miranda em Bonito (MS)
ESTRAGOS DAS CHUVAS EM MS
Mais uma cidade de MS decreta situação de emergência devido aos estragos provocados por chuva
BONITO - MS - TRABALHO LEGISLATIVO
Indicações e Requerimentos foram aprovados durante sessão da Câmara em Bonito (MS)
MELHOR SALÁRIO É DO MS
Fetems confirma: Reinaldo paga o melhor salário de professor do Brasil
NO RIO MIRANDA - MULTA E APREENSÃO
PMA prende e autua em R$ 17 mil oito turistas paulistas pescando com redes e tarrafas no Rio Miranda
BONITO - MS - TESTE EM AEROPORTO
Aeroporto terá testes durante Seminário Nacional de Perícia em BONITO (MS)
ENTRETENIMENTO
FAZENDA 10: Dívida de Perlla com ex-empresário ultrapassa R$ 1 milhão
A FAZENDA 10 - ENTRETENIMENTO
'Vaza' passado cabeludo de Fernanda Lacerda e Léo Stronda fora da Fazenda
A FAZENDA 10 - FOGO NO FENO
Mulher de Rafael Ilha detona Gabi Prado e dispara contra peoa: 'Deve sofrer de alguma doença'