Menu
KAGIVA
quarta, 14 de novembro de 2018
ITALÍNEA DOURADOS
Busca
BBB

"BBB12": Promotoria diz que só investiga suposto estupro se vítima reclamar

16 Jan 2012 - 15h37

 O Ministério Público do Rio de Janeiro afirmou que não poderá investigar o suposto caso de estupro no "BBB12" se a gaúcha Monique Amin não fizer uma queixa formal.

De acordo com a assessoria do órgão, Monique teria que pedir que a polícia investigue o crime e apenas após investigação e abertura de inquérito policial o MP poderia entrar no caso.

O MP não pode iniciar processo sem que a vítima peça. Isso para tentar preservar a privacidade da vítima, se ela quiser.

O órgão só pode entrar em casos sem ser provocado, caso se trate de um dano coletivo.

Entenda o caso

Na madrugada de sábado para domingo (15), o carioca Daniel e Monique dormiram na mesma cama e foi possível observar uma movimentação intensa do modelo enquanto a estudante pouco se mexia.

Com a hashtag #danielexpulso, centenas de pessoas pediam a saída do participante pelo Twitter, acusando o modelo de ter feito sexo com Monique enquanto ela dormia.

José Bonifácio Brasil de Oliveira, o Boninho, disse não ter considerado o caso um estupro, já que, segundo o diretor do programa, não era possível confirmar nem ao menos que os dois fizeram sexo.

A produção do programa chegou a chamar Monique no confessionário para checar a história, mas ela não confirmou que fez sexo com Daniel, apesar de ter questionado em seguida o participante do programa sobre o que ocorreu na noite anterior.

 

 

   

Deixe seu Comentário

Leia Também

AÇÕES DO GOVENO DO MS
A pedido de Reinaldo, recuperação da principal ferrovia de MS será prioridade de Bolsonaro
CIDADES
Operação contra tráfico de drogas em escolas prende cinco em MS
GERAL
Detran-MS retoma atendimento ao público através do Call Center
EDUCAÇÃO
Abertas as inscrições para o Curso Normal Médio Intercultural Indígena Povos do Pantanal
BONITO - MS - PONTO FACULTATIVO
Prefeitura terá ponto facultativo nesta sexta-feira (16) em Bonito (MS)
CIDADES
Após 10 anos, mulher ganha direito de ter sobrenome de 2 mães já falecidas
ALERTA
Imunização contra febre amarela deve ser feita de forma antecipada
OPERAÇÕES DA PF NO ESTADO
De quarta a domingo, PRF reforça fiscalização nas rodovias do Estado
EDUCAÇÃO
MS terá Centro Nacional de Mídias para implantação do Novo Ensino Médio
CIDADES
Vencedores do XIII Prêmio de Gestão Pública serão conhecidos no dia 19