Menu
mutantes
segunda, 18 de fevereiro de 2019
mutantes
Busca
UNIPAR_PC
Segurança

Até governador participa de treinamento contra incêndio

4 Nov 2011 - 11h11Por campograndenews

Após a palestra no fim do mês passado em que 400 síndicos receberam orientações de prevenção e proteção contra incêndio e pânico, foi a vez do treinamento chegar aos moradores dos prédios de Campo Grande.

O primeiro edifício a receber o curso foi o Champs Elysees, na rua Euclides da Cunha, entre as ruas Bahia e Rio Grande do Sul, no bairro Jardim dos Estados.

Morador antigo daquele prédio, o governador André Puccinelli assistiu à palestra do Corpo de Bombeiros nesta quinta-feira com outros 50 condôminos.

“Os síndicos de todos os prédios deveriam receber esse treinamento, principalmente os que trabalham diretamente com os moradores”, afirmou o chefe do Executivo. “Se todos aprenderem um pouco, poderão evitar problemas futuros”, acrescentou.

José Edson Baggio, que mora há 8 meses no prédio, disse que já conhecia bem os equipamentos de segurança, mas fez questão que o filho Gabriel Baggio, de 10 anos, recebesse o treinamento. “Eu aprendi sobre a saída de emergência e o que fazer com extintores”, contou o garoto.

Zelador do prédio há 15 anos, Jorge Pregentino dos Santos, de 43 anos, acredita que as palestras deveriam acontecer sempre. “Os condôminos tem que se interessar. Todos tinham que saber onde é a saída de emergência, mas apenas uma pequena parcela sabe”, disse.

Na palestra desta quinta-feira, o Coronel Joílson de Paula, do Corpo de Bombeiros, explicou como usar os equipamentos, como a escada da saída de emergência. No caso de incêndio, o correto é deixar o lado esquerdo livre para que os bombeiros possam subir.

Segundo o comandante-geral do Corpo de Bombeiros, Coronel Ociel Ortiz, a maioria das pessoas não conhece os equipamentos dos prédios.

O mutirão de treinamento contra incêndio e pânico será feito nos prédios até 26 de janeiro. Cerca de 30 oficiais foram capacitados para dar as palestras.

A necessidade de orientação ficou evidenciada após o incêndio no edifício Leonardo da Vinci, no mês passado, quando morreram o publicitário Giovanni Sergio Dolabani Leite, de 24 anos, e a defensora pública Kátia da Silva Soares Barroso, de 37.

Deixe seu Comentário

Leia Também

SAÚDE
Combate a hanseníase: Carreta da Saúde segue por MS e estaciona em Jardim
GERAL
Em MS, 54 mil trabalhadores nascidos em março e abril podem sacar o PIS a partir de quinta-feira
POLÍCIA
PM cumpre dois mandados de prisão e recaptura um evadido do Sistema Prisional em Guia Lopes
POLÍCIA
Polícia Militar apreende 35 pacotes de cigarros contrabandeados em Nioaque
BONITO - MS - SAÚDE
Projeto Roda-Hans/Carreta da Saúde atende amanhã em Bonito
GERAL
Municípios interessados em sediar eventos da Fundesporte devem apresentar propostas até 1º de março
DEFESA SANITÁRIA
Em MS, médicos veterinários cadastrados para coleta de mormo recebem capacitação
ESPORTES
FCMS e Fundesporte abrem inscrições para o primeiro curso de Arbitragem em Canoagem do MS
CULTURA
Músicos lamentam a morte de Dino Rocha, o Rei do Chamamé
CASO DE POLÍCIA NO MS
Em MS, adolescente de 16 anos se tranca em quarto e mata filha de 21 dias sufocada