Menu
ITALÍNEA DOURADOS
sbado, 19 de janeiro de 2019
KAGIVA
Busca
UNIPAR_PC

Argentina julga 17 ex-militares por crimes contra a humanidade durante ditadura

22 Jun 2011 - 15h48Por Agência Brasil

A Justiça da Argentina iniciou ontem (21) o julgamento de acusados de participação direta em atos de repressão e violência cometidos durante a ditadura militar no país (1966-1973). Em Mar del Plata, o Tribunal Criminal Federal Oral começa a julgar 17 ex-oficiais militares e policiais acusados de crimes contra a humanidade, envolvendo 85 pessoas.

Os réus são  Marquiegui Edgar Leandro, Alfredo Manuel Arrillaga, Aldo Charles Maspero, Eduardo Jorge Blanco, Jorge Luis Toccalino, Ernesto Alejandro Agustoni, José Carmen Beccio, Gregorio Rafael Molina, Miguel e Nicolas Caffarella.

Também estarão entre os réus Marcelino Blaustein, Orosco Ernesto, Arguello Adrian Rezett Valentin Fortunato, José Aldo Sagasti Hector Carlos Cerutti, Jorge Mario Larrea e Francisco Hector Bicarelli.

Os julgamentos se referem às investigações em torno de casos ocorridos no centro de detenção clandestino denominado A Cave, no norte de Mar del Plata, próximo à base aérea. O tribunal é formado por três juízes - Paz Alfredo Ruiz, Soto Lidia e Osores Elvio Soler. As audiências ocorrerão duas vezes por semana até o término de todos os julgamentos.

Deixe seu Comentário

Leia Também

DOENÇA DO SÉCULO
Após escrever bilhete e trocar mensagens com a namorada, jovem comete suicídio em Rio Brilhante
CONTAS SUBIRAM ALÉM DA CONTA
Procon/MS notifica Energisa por altas abusivas na conta de energia
PREVISÃO DO TEMPO
Defesa Civil emitiu alerta sobre chuvas intensas para este sábado e domingo em todo MS
SITUAÇÃO CONTURBADA
Datena é acusado de assédio sexual por ex-repórter da Band
NA CAPITAL DO ESTADO
Homem de 60 anos atira na ex e se joga de cachoeira em Campo Grande
RAIOS E TEMPORAL
Tempo vira e raio atinge residência de vereador e causa prejuízos em cidade do MS
BONITO - MS - AÇÃO DA POLÍCIA MILITAR
Abordagem rende duas prisões, uma com mandato e outra de bebida alcoólica a menor em Bonito (MS)
BONITO - MS - MARIA DA PENHA
Mais uma ocorrência de violência doméstica é registrada e armas de fogo apreendida em Bonito (MS)
BONITO - MS - LUTO
Bonito (MS) perde a 'lenda viva' Felipe Barbeiro, familiares pedem orações
POLÍCIA
Carreta com 4,6 toneladas de maconha que saiu de MS é apreendida em SP