Menu
ITALÍNEA DOURADOS
sbado, 18 de agosto de 2018
KAGIVA
Busca

Açúcar faz dobrar as exportações de Dourados

23 Ago 2011 - 07h33Por Diário MS

O açúcar tem tudo para ser, em 2011, o destaque das exportações em Dourados. Isso graças aos preços internacionais do produto, que registram sucessivas altas desde o ano passado. Conforme dados da Balança Comercial Brasileira, os embarques para o exterior do derivado da cana-de-açúcar já são responsáveis por 31,6% do total exportado pelo município de janeiro a julho deste ano.

São R$ 37,7 milhões em negócios com o mercado internacional. Este é o primeiro ano que as usinas instaladas no município produzem açúcar para o mercado externo. No entanto, o derivado da cana já ocupa a segunda colocação no ranking dos principais produtos exportados por Dourados, perdendo apenas para a soja.

Juntamente com o complexo da soja, o açúcar é o grande responsável pelo crescimento das exportações de Dourados. Conforme os números do Ministério do Desenvolvimento, de janeiro a julho, Dourados negociou US$ 119.105.490 com o mercado internacional, ou seja, aumento de 99,29% se comparado aos US$ US$ 59.763.671 exportados no mesmo período do ano passado no município.

Além do açúcar, os principais produtos exportados pelas empresas de Dourados neste período foram: grãos de soja (US$ 57,3 milhões), carne suina (US$ 16,9 milhões), milho em grão (US$ 3,47 milhões) e construções de pré-moldados (US$ 1,1 milhões).

Apenas em julho, as remessas de produtos de Dourados ao exterior atingiram o volume de US$ 26,9 milhões, o que representa um crescimento de 34,1%, em relação aos US$ 20,1 milhões negociados com o mercado internacional no mesmo período do ano passado.

MUNICÍPIOS

Com esse desempenho, Dourados subiu para a quarta colocação no ranking dos municípios exportadores do Estado. No mês passado, Dourados era apenas o sexto colocado. Puxado pelas remessas de minérios, Corumbá é o líder em exportações. Os negócios com o mercado internacional atingiram US$ 400,7 milhões entre janeiro e julho.

Já as remessas de celulose colocaram Três Lagoas no segundo lugar. O município exportou ao mercado internacional US$ 393 milhões. Campo Grande, que tem a carne como principal produto da pauta, aparece em terceiro lugar, com negócios de US$ 180.675.473 milhões. Maracaju ficou em quinto lugar, com remessas que atingiram US$ 104 milhões. Logo após Maracaju, aparece Sidrolândia, com US$ 90 milhões, Navirai com US$ 84 milhões, seguido de Chapadão do Sul, com US$ 77 milhões e Ponta Porã, com US$ 65 milhões.

ESTADO

Já as exportações de Mato Grosso do Sul somaram R$ 345,4 milhões no mês passado, valor 11,86% maior que no mesmo período de 2010. No acumulado do ano, de janeiro a julho, as vendas externas atingiram R$ 2,1 bilhões, um aumento de R$ 36,12% comparado a igual intervalo de tempo de 2010.

Os dados são do Mdic (Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior) e registram, no mês passado, volume de importações de R$ 399,4 milhões, 22,88% a acima do resultado de 2010. Nos primeiros sete meses do ano, o montante acumulado em compras de produtos de outros países foi de R$ 2,3 bilhões, o equivalente a um acréscimo de 29,17% sobre o volume do ano passado.

Deixe seu Comentário

Leia Também

AÇÕES DO GOVENO DO MS
Governador afirma que pavimentação asfáltica da MS-223 começa nos próximos dias em Costa Rica
INELEGÍVEL
Procuradoria pede impugnação de candidatura do Zeca do PT
BONITO - MS - INAUGURAÇÃO
HOJE tem inauguração do Santo Rock Bar, caipirinha FREE para mulheres até meia-noite em Bonito (MS)
POLÍTICA
Parecer do TRE-MS dá aval para cassar vereadora Cida Amaral
MEIO AMBIENTE
Em fase final, projeto visa recuperar o Taquari com manejo correto do solo
BONITO - MS - AÇÕES NO ÁGUAS DO MIRANDA
BONITO (MS): Obras realiza serviços de revitalização no distrito Águas do Miranda
BONITO - MS
Almoço beneficente em prol do Instituto Visão de Vida acontecerá neste sábado em Bonito
CASO MAYARA
Acusado de matar a musicista Mayara Amaral diz que estava 'possuído'
ACIDENTE
Mulher é arremessada e morre em capotamento de veículo na BR-359
CIDADES
Mutirão vai analisar 11 mil processos de presos condenados em MS