Menu
ASSOMASUL MARÇO
sexta, 19 de abril de 2019
mutantes
Busca
AGÊNCIA BONITO THIAGO

Acidente deixa 29 mortos na BR-282, em Santa Catarina

5 Mar 2011 - 11h30Por Veja

Vinte e nove pessoas morreram em uma colisão frontal entre um caminhão e um ônibus na Rodovia BR-282, no município de Descanso, em Santa Catarina, na madrugada deste sábado. O acidente ocorreu na altura do quilômetro 640 da rodovia. O ônibus transportava 47 passageiros, segundo a Polícia Rodoviária Federal (PRF). A rodovia ficou interditada até por volta das 4h30 e não houve congestionamento. 

O caminhão tombou durante uma curva fechada e deslizou cerca de 50 metros antes de colidir com o ônibus, que vinha em sentido contrário. As tábuas que faziam parte da carga se projetaram sobre o ônibus, atingindo os passageiros. O motorista do caminhão, Fernando Furtado, morreu na hora. 

Na Rodovia Régis Bittencourt, o afunilamento de pista na entrada da Serra do Cafezal causava às 6h15 de hoje congestionamento de 32km na pista sentido Paraná da via entre os km 305, em São Lourenço da Serra, e 337, na região de Juquitiba, na Grande São Paulo. 

Deixe seu Comentário

Leia Também

PUXÃO DE ORELHA NA PETROBRAS
Em áudio, Onyx diz que governo deu 'uma trava na Petrobras', caminhoneiros podem ficar sossegados
BONITO - MS - AÇÃO POLICIAL
Quatro menores é pego pela PM tentando assaltar com arma de brinquedo em Bonito (MS)
FERIADO
Sexta-feira Santa é o dia de celebrar a morte de Cristo
CIDADES
Imagens de satélite denunciam desmatamento durante Operação Semana Santa em Nioaque
POLÍCIA
Amigos param para consertar carro e encontram corpo de mulher na BR-262
BONITO - MS
Bonito – Serra da Bodoquena: a natureza surpreendente continua linda e precisa ser preservada sempre
PARCERIA
Indígenas do MS comemoram conquista do espaço no mercado de trabalho em lavouras de maçã de SC e RS
GERAL
Transporte intermunicipal permite levar cães e gatos, mas é preciso observar regras
POLÍCIA
Procurado por homicídio em MS morre em confronto com a polícia no Paraná
AÇÕES DO GOVERNO DO MS
Governador Reinaldo Azambuja levou acesso à saúde para dentro das aldeias de MS