Menu
ITALÍNEA DOURADOS
tera, 16 de outubro de 2018
KAGIVA
Busca

Abate de frangos cresce 3,4% no primeiro trimestre e bate recorde, diz IBGE

1 Jul 2011 - 08h15Por Agência Brasil

Entre janeiro e março de 2011, o abate de animais no país aumentou em relação ao mesmo período de 2010, com destaque para o crescimento do abate de frangos, segundo divulgou ontem (30) o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

Cerca de 1,3 bilhão de aves foram abatidas no período, representando um crescimento de 8,2% em relação aos mesmos meses do ano passado e de 3,4% na comparação com o trimestre anterior. O número de frangos abatidos bateu recorde e é o mais alto desde o início da pesquisa, em 1997.

Já o abate de bovinos teve um crescimento menor. No primeiro trimestre de 2011, foram 7 milhões de cabeças, um aumento de 0,2% em relação ao mesmo período do ano passado e de 1,4% na comparação dos os três meses imediatamente anteriores.

De acordo com nota do IBGE, os preços elevados da carne bovina podem ter estimulado o consumidor a optar pelas aves, o que resultou no recorde do abate de aves.

O abate de suínos caiu (-1,9%) em relação ao último trimestre de 2010, quando foi registrado um recorde. Porém, na comparação com mesmo trimestre do ano passado, houve aumento de 4,5%.

A pesquisa do IBGE também mostra que mais leite foi adquirido nos primeiros três meses do ano na comparação com o mesmo período de 2010 (4,1%), mas que a quantidade foi inferior aos três meses imediatamente anteriores (-2,1%). O volume adquirido foi de 5,4 bilhões de litros.

No período pesquisado, os estados do Paraná, de Santa Catarina e do Rio Grande do Sul concentram a maior parte dos abates no país.

Responderam a Pesquisa Trimestral do Abate de Animais, Produção de Leite, Couro e Ovos de Galinha 426 produtores que estão sob inspeção municipal, estadual ou federal em todo o país.

Deixe seu Comentário

Leia Também

DESAPARECEU
Servidora pública com depressão desaparece e preocupa família
PESQUISA IBOPE PARA PRESIDENTE
IBOPE: Para presidente, votos válidos: Bolsonaro, 59%; Haddad, 41%
BONITO - MS - RIO MIRANDA
Em Bonito, Rio Miranda volta ao nível normal e Defesa Civil monitora as regiões mais afetadas
MUNDO DA TV
Com paralisia, Liminha segue internado e sem previsão de alta
ENTRETENIMENTO
Na reta final de “Sol”, Remy descobrirá que é tio da Karola
ANIMAIS COM VONTADE DE VIVER
Cachorro com câncer anda em balão, toma sorvete e acampa
AÇÕES DO GOVENO DO MS
Caravana da Saúde salvou e continuará salvando vidas, diz Reinaldo Azambuja
VENDAVAL NO MS
Vendaval destelha barracão e danifica máquinas agrícolas em fazenda
OPORTUNIDADES NO MS
Concursos em MS oferecem mais de 1,9 mil vagas e salários até R$ 8,6 mil
ELEIÇÕES 2018 - ARTICULAÇÕES
Odilon Jr. visitou Puccinelli na prisão antes de apoio do MDB