Menu
KAGIVA
quinta, 18 de outubro de 2018
ITALÍNEA DOURADOS
Busca

2º MS em Letras celebra em Bonito pioneirismo no incentivo à leitura

22 Set 2011 - 07h46Por Assessoria

A Fundação de Cultura do governo de Mato Grosso do Sul realiza hoje e amanhã em Bonito, a 2ª edição MS em Letras, evento que trata do livro e da leitura como ferramenta imprescindível para o desenvolvimento social.

A abertura do evento acontece às 18h30, no Centro de Convenções de Bonito. O MS em Letras mobilizará cerca de mil pessoas dos distintos municípios do Estado, sendo gestores de educação e cultura, pedagogos, diretores de escolas, professores, arte-educadores e apreciadores da leitura.

Com organização da Secretaria de Estado de Educação, em parceria com a Fundação de Cultura de Mato Grosso do Sul, o MS em Letras marca o lançamento oficial do Plano Estadual do Livro e Leitura (PELL), documento que estabelece metas e estratégias com objetivo de nortear o desenvolvimento na área do livro, da leitura, literatura e bibliotecas por meio de políticas articuladas que evidenciam a cidadania, a educação, o meio ambiente, as práticas sociais, o respeito à diversidade cultural, a inserção de novas tecnologias e a ampliação de acesso à informação.

A cartilha é fruto de intensos trabalhos desenvolvidos durante e após a primeira edição do MS em Letras. O objetivo é a democratização do acesso aos livros e a melhoria dos índices de leitura em nosso Estado através de esforços conjuntos e projetos específicos.

O MS em Letras abordará também a importância da elaboração dos planos municipais do livro e da leitura. Mato Grosso do Sul foi o primeiro Estado brasileiro a elaborar o plano estadual do livro e da leitura e também o pioneiro a deflagrar a elaboração dos planos municipais.

"O fato de pela primeira vez no País as políticas públicas dirigidas ao livro e a leitura estarem sendo trabalhadas pela cultura e educação, em uma parceria que potencializa os processos e resultados com vistas ao estímulo, difusão e aperfeiçoamento da leitura como um dos pilares básicos da cidadania, representa um grande avanço”, analisa Américo Calheiros, presidente da Fundação de Cultura de Mato Grosso do Sul.

De acordo com Neusa Arashiro, gerente de Patrimônio Histórico e Cultural da Fundação de Cultura e coordenadora do comitê estadual do Proler, o incentivo à leitura é um compromisso conjunto entre os órgãos públicos e a sociedade.

“Precisamos avançar nas reflexões para a elaboração das políticas públicas de incentivo à leitura no contexto municipal. A partir do lançamento da cartilha, que sejam sistematizadas estratégias para que os municípios elaborem seus planos, de acordo com as especificações locais”, explica.

Deixe seu Comentário

Leia Também

DATAFOLHA - PRESIDENTE
Datafolha para presidente, votos válidos: Bolsonaro, 59%; Haddad, 41%
APOIO DE ZECA E VANDER
Zeca chama Odilon de charlatão e mentiroso e diz que vai junto com Vander para reeleição de Reinaldo
DOURADENSE - ACIDENTE FATAL
Empresário Douradense e filho morrem em acidente na BR-267 próximo Maracaju
AÇÕES DO GOVENO DO MS
Em Caarapó, Governo trocou rodovia do 'farelo' por estrada confortável e segura
BONITO - MS - NA SESSÃO
Nixon solicita a Senadora emenda para aquisição de equipamentos para hospital de Bonito (MS)
BONITO - MS - REIVINDICAÇÃO NA CÂMARA
Luisa pede ao Poder Executivo ambulância para o Distrito Águas do Miranda em Bonito (MS)
ESTRAGOS DAS CHUVAS EM MS
Mais uma cidade de MS decreta situação de emergência devido aos estragos provocados por chuva
BONITO - MS - TRABALHO LEGISLATIVO
Indicações e Requerimentos foram aprovados durante sessão da Câmara em Bonito (MS)
MELHOR SALÁRIO É DO MS
Fetems confirma: Reinaldo paga o melhor salário de professor do Brasil
NO RIO MIRANDA - MULTA E APREENSÃO
PMA prende e autua em R$ 17 mil oito turistas paulistas pescando com redes e tarrafas no Rio Miranda