CLINICA_RITH
4 de Julho de 2017 07h46

Energia ficará mais cara em julho e terá tarifa amarela

Correio do Estado

Com aumento de R$ 2,00 a cada 100 (KWh) consumidos, brasileiros terão tarifa amarela na conta em julho em razão do aumento no custo da geração de energia. Em junho, a bandeira vigente era a verde.

De acordo com informações do Valor Econômico, o aumento se deve pela escassez de chuvas, devido ao baixo volume de água registrado nas últimas semanas, combinado à projeção de uma hidrologia inferior à média para julho, o que motivou a alta dos preços de energia no mercado à vista. Essa é a juntificativa que poderia levar ao despacho da bandeira tarifária amarela para este mês. 

Conforme o relatório do Programa Mensal de Operação (PMO) do Operador Nacional do Sistema (ONS), o valor da usina térmica mais cara em operação é de R$ 237,71/MWh. 

O sistema de bandeiras tarifárias sinaliza o custo real da energia gerada, incentivando os consumidores ao uso consciente da energia elétrica. Com as bandeiras, as pessoas podem controlar melhor seu consumo, adotar medidas de economia e usar a energia elétrica sem desperdício.

A bandeira tarifária não é um custo extra na conta de luz, mas sim uma forma diferente de apresentar um valor que já está na conta de energia, mas que geralmente passa despercebido. As bandeiras sinalizam, mês a mês, o custo de geração da energia elétrica que será cobrada dos consumidores. O funcionamento é simples: as cores verde, amarela ou vermelha indicam se a energia custará mais ou menos em função das condições de geração de eletricidade. 

Comentários
Veja Também
Monte sua viagem - agencia sucuri 300x250
CLÍNICA_RITH_300
Últimas Notícias
  
dothshop
AGÊNCIA_SUCURI_LATERAL
dothCom © Copyright BonitoInforma - Todos os Direitos Reservados.