Menu
ITALÍNEA DOURADOS
segunda, 25 de junho de 2018
KAGIVA
Busca
MUITA CHUVA NO MS

Rio Miranda continua subindo e semana será de tempo instável em todo o Estado, Veja previsão

Rio Miranda continua subindo e semana será de tempo instável em todo o Estado, Veja previsão

4 Dez 2017 - 15h12Por Silvio Andrade – Subsecretaria de Comunicação (Subcom)

A Coordenadoria Estadual de Defesa Civil (Cedec) mantém em situação de alerta alguns rios das bacias do Paraguai e do Paraná, dos quais apenas o rio Miranda apresentava-se em elevação até a manhã desta segunda-feira (4.12), e a previsão meteorológica para a semana indica tempo nublado em todo o Estado, com ocorrência de chuvas a qualquer hora.

Em Miranda, a rio do mesmo nome já saiu da calha e desabrigou duas famílias ribeirinhas, que estão alojadas em casas de parentes, informou o coordenador municipal de Defesa Civil, Paulo Brito. Ele disse que até às 11h de hoje já choveu 100 milímetros na região e a tendência é o rio continuar subindo.

O nível atual do rio está a apenas 25 centímetros da situação de emergência (7,0 metros), conforme boletim divulgado pela Sala de Situação do Instituto do Meio Ambiente de Mato Grosso do Sul (Imasul), e inunda algumas áreas urbanas do município de Miranda. No encontro com o rio Nioaque (estrada MT 738), o Miranda declinou em 95 centímetros em relação à régua de sexta-feira.

Mobilização

A subida repentina do rio Aquidauana, na sexta-feira (1º.12), mobilizou a Defesa Civil e a prefeitura de Aquidauana com a possibilidade de desabrigar famílias ribeirinhas, contudo as águas baixaram no fim de semana. Naquela data, o rio, próximo à ponte de concreto que interliga os municípios de Anastácio e Aquidauana, atingiu o nível de 7,16 metros (a situação de emergência é de 8,0 metros), mas reduziu para 6,14 metros nesta segunda-feira.

Rio Aquidauana chegou a marca de 7,16 metros na última sexta-feira, colocando a Defesa Civil em alerta máximo.

“Voltou a chover, mas é uma chuva fina e contínua”, informou o coordenador municipal da Defesa Civil, Mário Ravaglia, prevendo que as precipitações durante o dia cheguem a 20 milímetros. “Estamos de prontidão e mobilizados em caso de emergência, pois temos informações que continua chovendo nas cabeceiras”, acrescentou o coordenador.

No distrito de Palmeiras (Dois Irmãos do Buriti), o Aquidauana reduziu seu nível em 85 centímetros, enquanto o Taquari também perdeu força depois da diminuição das chuvas na região Norte – de 4,80 metros, na sexta-feira, para o registro de 4,48 metros, às 7h nesta segunda-feira. O rio Pardo (bacia do Paraná) oscilou entre 5,63 metros e 5,58 metros em 24h.

Chuva forte

A previsão do Centro de Monitoramento de Tempo, do Clima e dos Recursos Hídricos de MS (Cemtec), em todas as regiões do Estado, é de tempo mais severo durante a semana, com chuvas fortes, rajadas de ventos e grande incidência de raios, acumulando cerca de 125 milímetros, informou a coordenadora Franciane Rodrigues em boletim. A temperatura deve oscilar, em média, entre 21 e 30 graus. 

Silvio Andrade – Subsecretaria de Comunicação (Subcom)

Fotos: Defesa Civil

Deixe seu Comentário

Leia Também

OBRAS EM BONITO
Prefeitura vai asfaltar ruas Olívio Flores e Monte Castelo
BONITO - MS - AÇÃO DA 1ªCIPM/CPA-3
Polícia Militar recaptura foragido da justiça durante ação na madrugada em Bonito (MS)
PANTANAL
União reconhece situação de emergência em áreas inundadas no Pantanal
EMPREGOS
Exército abre vagas para músicos no 17º Batalhão de Fronteira
EXPANSÃO PARAGUAI
Obras públicas paraguais terão continuidade com mudança de governo
IVINHEMA
Veículo capota na MS-276 após condutor dormir ao volante
LEILÃO DO GOVERNO DO MS
Governo leiloa 43 lotes de veículos e sucatas nesta terça-feira, confira o edital
CAMPO GRANDE E JARDIM
Uems abre concurso para professores efetivos em Campo Grande e Jardim
VIOLÊNCIA DOMÉSTICA
Padrasto acerta murro na boca de criança ao tentar agredir esposa
BONITO - MS - CASO DE POLÍCIA
Polícia Militar prende jovem por uso de drogas em vias publicas próximo a escola em Bonito (MS)