CLINICA_RITH
2 de Julho de 2017 09h33

Julho inicia período considerado crítico para ocorrência de incêndios em MS

Correio do Estado
DivulgaçãoDivulgação

Mato Grosso do Sul registrou 998 focos de calor no primeiro semestre deste ano, sendo o quinto estado do país com maior número de focos. Neste mês, se inicia o período considerado crítico pelo Corpo de Bombeiros, quando estiagem eleva ainda mais os focos de incêndio.

Segundo os bombeiros, de janeiro até ontem, foram registrados 852 incêndios em vegetações sul-mato-grossenses, mas incidência deve ser maior entre julho e setembro.

Corumbá é a cidade com maior número de ocorrências. Entre as causas para os altos índices, estão as características naturais e a fronteira. Neste ano, o principal incêndio ocorrido na cidade veio da Bolívia.

Monitorados por satélite, todos os pontos onde a temperatura ultrapassa 47°C são condiderados focos de calor. Medição é feita pelo Instituto de Pesquisa Espacial (Inpe) e serve para nortear o trabalho de prenvenção e controle.

Com a chegada do inverno, que teve início no dia 21 de junho, estiagem e massas de ar seco costumam elevar esses pontos.

Segundo o chefe do Centro de Proteção Ambiental do Corpo de Bombeiros, tenente-coronel Waldemir Moreira Júnior, com a chegada do inverno, que teve início no dia 21 de junho, estiagem e massas de ar seco costumam elevar esses pontos.

“Acabou de iniciar o período da seca. No primeiro semestre choveu bastante, a vegetação cresceu, acumulou combustível. Em 30 dias sem chuva, aquela vegetação que acumulou começa a secar, em julho começa a queimar e até setembro são os meses considerados críticos”, explicou.

No ano passado, no período da estiagem os focos de calor aumentaram significativamente.

Em junho, eram apenas 120. No mês seguinte, com o início do inverno, passaram a 687, subiram para 1.473 em agosto e chegaram a 1.614 em setembro.

Comentários
Veja Também
Monte sua viagem - agencia sucuri 300x250
CLÍNICA_RITH_300
Últimas Notícias
  
conde_foto
AGÊNCIA_SUCURI_LATERAL
dothCom © Copyright BonitoInforma - Todos os Direitos Reservados.